Microagulhamento

Estima-se que na antiguidade, médicos chineses usavam agulhas para retirar substâncias existentes na pele de pacientes e testá-la. Com o passar do tempo, foi identificado que esse procedimento resultava em uma melhora no aspecto da pele, sendo a do rosto ou outras áreas do corpo. Na década de 90, na Alemanha, surgiu a marca Dermarroler™ – patente para o aparelho manual usado no procedimento-, que a partir de 2006 foi disseminado nas clínicas de estética e nos consultórios de dermatologistas e de cirurgiões plástico como microagulhamento.

O procedimento consiste em fazer microperfurações na pele do rosto e no corpo com a intenção de estimular o colágeno e a elastina, duas sustâncias produzidas pelo organismo e responsáveis pelo viço da pele.Com o roller, aparelho manual composto por cerca de 200 micros agulhas, o profissional de medicina estética promove de forma mecânica pequenas lesões. No rosto, por exemplo, o equipamento é passado em toda a região de um lado para o outro e de cima para baixo. Esses pequenos machucados provocam uma inflamação, o que faz com que o organismo comece a reagir para cicatrizá-las.

Essa reação consiste na estimulação de fibroblastos, células essas responsáveis pela produção do colágeno, e por consequência, causam o rejuvenescimento da pele.  O tratamento se mostra eficaz também no combate às estrias, manchas, melasmas e cicatrizes, sejam elas de acne ou de cortes.

O tratamento é minimamente invasivo e pode ser feito em todos os tipos de pele, porém como qualquer procedimento estético deve ser indicado por um profissional qualificado. Na Vitaclin você conta com equipe técnica capaz de indicar o método que melhor trará resultado.

Após a avaliação clínica é identificado à espessura da agulha a ser utilizada, podendo ser de 0,25 milímetros até dois milímetros. A espessura das agulhas do roller dependerá do que o paciente procura ao ser submetido ao microagulhamento. O número de sessões varia de acordo com cada paciente, sendo que esse número será informado durante a avaliação. O intervalo entre as sessões de microagulhamento é, em média, de 30 dias. Na Vitaclin, trabalhamos com formulações exclusivas, que complementam o procedimento de microagulhamento.

 

Indicações

Indicado para firmar a pele, renovação de colágeno, minimizar linhas de expressão, poros  dilatados, melhoria da circulação da região tratada,  manchas, melasmas e cicatrizes, além de promover o rejuvenescimento, quando o microagulhamento é feito na pele do rosto.

Nas estrias, será minimizado seu aspecto, tendo casos em que elas se tornam quase imperceptíveis.

 

Benefícios

Redução do melasma;

Redução de cicatrizes de acne, cicatrizes traumáticas, e cirúrgicas;

Redução de rugas e linhas de expressão;

Redução e melhoria do aspecto de estrias;

Melhora de poros e textura da pele;

Resultados

Pele mais firme, com menos linhas de expressão, poros menos dilatados, melhoria da circulação da região tratada, minimização das manchas, melasmas e cicatrizes, além de promover o rejuvenescimento, quando o microagulhamento é feito na pele do rosto.

Nas estrias, será minimizado seu aspecto, tendo casos em que elas se tornam quase imperceptíveis.

Contraindicações

O microagulhamento não é indicado em pacientes com a pele muito bronzeada, com acne ativa e com tendência a queloides. Por isso, se submeter ao procedimento em local especializado e com equipamento registrado pela Anvisa, é importante.

Cuidados pré e pós-procedimento

Se expor ao sol é contraindicado, pois pode resultar em manchas. Demais rotinas, como trabalhar estão liberadas, não sendo necessário repouso. O acompanhamento com o profissional de medicina estética se faz necessária, para averiguação do correto processo de cicatrização.

O paciente sentirá a pele mais ressacada nesse processo, sendo assim, o uso de água termal pode minimizar essa sensação. Após uma semana, a rotina de beleza pode ser retomada.

Agendar Avaliação