CALVÍCIE TEM SOLUÇÃO NA VITACLIN - VITACLIN


Calvície tem Solução na Vitaclin

VitaclinEstética FacialCalvície tem Solução na Vitaclin

Calvície tem Solução na Vitaclin

Conheça os procedimentos que já resolveram mais de centenas de problemas de calvície, venha conhecer nossa solução
Sensação de dorExistem diferentes tratamentos para tratar a calvíce, em geral não causa sensação de dor ou desconforto. No entanto, pode variar de acordo com a sensibilidade e cada pessoa.
CalendárioÉ recomendado realizar 4 sessões semanais. A manutenção deverá ser realizada mensalmente. Consulte o profissional responsável para confirmar a frequência do tratamento.
ProcedimentoUm dos procedimentos, indicados é a carboxiterapia capilar que utiliza aplicação injetável de gás carbônico medicinal, estimulando os folículos capilares.
TempoO tempo das sessões pode variar de acordo com o procedimento selecionado e a quantidade de cabelo ainda existente. Em geral as sessões duram até 30min.
ResultadoApós perfeita realização do tratamento é possível perceber os primeiros resultados. Dentro de dois meses nota-se o crescimento de novos fios.
Antes e depoisPara aqueles que ainda tem cabelo e quem já está careca, pode acompanhar o resultado de antes e depois do procedimento selecionado, após cada sessão.
CuidadosPara obter excelentes resultados é indicado lavar os cabelos no dia do procedimento, manter a boa higiene e cuidados indicados pelo profissional.
EspecialistasO tratamento para calvície deve ser realizado por médicos, dermatologistas, cirurgião plástico ou esteticista. Na Vitaclin cada procedimento é realizado por profissionais especializados e devidamente capacitados

CALVÍCIE

Calvície

A calvície é uma condição que afeta mais aos homens, pois a queda dos cabelos está diretamente associada à presença dos hormônios sexuais masculinos, por causa da testosterona. Não que as mulheres estejam livres de ter esse problema, elas também produzem esse hormônio, mas em quantidade bem pequena. Por isso, os casos de calvície feminina são mais raros e, quando ocorrem, a perda é menos drástica.

Informações Gerais

O que é a calvície?

Informações Gerais

É o processo no qual se perde mais cabelo do que é reposto, onde pode haver recuperação total, parcial ou nula do cabelo na área afetada, seja ela no couro cabeludo ou no corpo. Afeta em maior porcentagem os homens, atribuídos a fatores hormonais, em razão da ação da testosterona sobre a raiz do cabelo, e hereditários. Entretanto, como é uma afecção multifatorial existem outras causas, como os hábitos biopsicossociais da pessoa.

Quais as causas da calvície?

As duas principais causas da queda permanente dos cabelos são a hereditariedade e os hormônios masculinos. Ambos promovem a atrofia dos folículos (bulbos) capilares e aceleram a queda definitiva.

Excesso de oleosidade, típico da dermatite seborreica, a aplicação exagerada de produtos químicos, distúrbios da tireoide, má alimentação, carência de vitaminas, certos medicamentos e estresse são outros fatores que levam à queda do cabelo. Após cirurgias e partos e durante as aplicações de quimioterapia, a perda capilar pode ser mais intensa, mas é passageira. Nesses casos, cessada a causa, o cabelo volta a crescer.

Quais os tipos de calvície?

Existem vários tipos de calvície. Conheça quais são: 

Informações Gerais

Androgenético: causa mais frequente de alopecia entre homens, afeta também mulheres. Começa a se manifestar entre a puberdade e vida adulta, tendo vários graus. Como o próprio nome diz, é uma associação de fatores genéticos com o hormônio sexual masculino, a testosterona.

Informações Gerais

Areata: este tipo está relacionado especialmente a fatores autoimunes. Seu agravamento é influenciado pelo emocional. A alopecia areata é caracterizada pela perda rápida, parcial ou total de pelos em uma ou mais áreas do couro cabeludo ou ainda no rosto, afetando a barba, sobrancelhas, púbis, etc. O renascimento dos pelos pode ocorrer espontaneamente em alguns meses, porém, em alguns casos, a doença progride, podendo atingir todo o couro cabeludo (alopecia total) ou todo o corpo (alopecia universal).

Informações Gerais

Congênita: ligada a fatores hereditários, com ausência total ou parcial desde o nascimento.

Informações Gerais 

Eflúvio: também chamada de deflúvio, é a causa mais comum de perda de cabelos entre as mulheres. Consiste na quebra harmoniosa do ciclo de vida capilar, tendo várias causas. Normalmente, responde bem aos tratamentos médicos.

Endócrinas: causada pele hipertireoidismo ou hipotireoidismo.

Informações Gerais

Medicamentosa: existem determinados medicamentos, (caso dos anticoagulantes, medicamentos psiquiátricos, anticonceptivos orais, tratamentos de quimioterapia, etc.) que podem provocar perda da espessura do fio, até chegar a sua queda;

Como evitar a calvície?

Calvície

Ainda que possa ter causas diversas, há algumas formas de prevenção. Fique atento à elas:

Atenção aos primeiros sinais

O primeiro passo para evitar que a calvície se desenvolva é identificar o problema e se atentar aos sinais que podem surgir já na adolescência ou durante a vida adulta. É preciso ficar atento quando houver escassez dos fios no redemoinho e nas estradas laterais. Além disso, é importante verificar se há histórico de calvície em parentes próximos. Quanto mais cedo for iniciada a prevenção ou o tratamento, menor será o impacto da doença.

Cuidados com a alimentação

A alimentação é um aspecto que afeta amplamente as funções do nosso corpo, incluindo o crescimento e saúde dos fios. Os alimentos saudáveis e naturais, como as frutas, legumes, sementes, etc, são ricos em vitaminas e outros nutrientes essenciais para a saúde e impactam diretamente no cabelo. Por isso, homens e mulheres que sofrem de anemia, perderam muito peso e têm dietas muito restritivas ou pouco saudáveis são mais susceptíveis à queda, enfraquecimentos dos fios e, consequentemente, à calvície.

Cirurgia preventiva

A cirurgia preventiva é bastante eficaz e consiste em um implante capilar. Ela pode ser feita quando a doença ainda não impactou completamente os cabelos, no caso de cânceres. Nesse procedimento são utilizados fios saudáveis e de áreas definitivas, ou seja, aquelas partes que geralmente não prejudicadas pela calvície. Esses fios são implantados nas áreas de queda. Dessa forma, à medida que a doença vai se alastrando e os fios originais vão sumindo, ainda devem permanecer os implantados.

Diagnóstico logo no início

Informações Gerais

Ao identificar os primeiros sinais da calvície, é ideal procurar um médico especialista, como um dermatologista, para avaliar o caso, diagnosticar as causas e orientar o tratamento adequado. Só assim é possível prevenir a calvície e não deixar que esse problema afete sua saúde e autoestima.

Como tratar a calvície?

Informações Gerais

As pessoas com calvície podem recorrer a tratamentos dermatológicos e farmacológicos. Existem algumas opões no mercado, como Minoxidy, Alozex e Finasterida, com fatores de crescimento. Eles têm tido bons resultados no tratamento de queda de cabelo, com relativos efeitos secundários, se excedida a quantidade de dose.

É possível usar ainda o Minoxidil injetável. O plasma rico em plaquetas é outra novidade para tratar a calvície. Esse material ajuda a regeneração da célula no couro cabeludo, porque aporta fatores de crescimento diretamente ao tecido capilar.

Já na área cirúrgica, existem outras alternativas, como o microenxerto ou enxerto de pelo. Essa técnica consiste em transplantar o cabelo das áreas onde o é sempre mantido, como na nuca ou nos dois lados da cabeça, nas quais a genética não atua, para regiões com escassez ou falta de cabelos afetados pela alopecia.

Tratamentos

MICROAGULHAMENTO

Calvície

O microagulhamento é um procedimento estético que ganhou muito espaço nos últimos anos. Ele é bastante indicado para o tratamento de problemas de pele, como manchas de melasma, flacidez, rugas, oleosidade, entre outros. Mas você sabia que essa técnica também pode servir para a queda de cabelo. 

Como é feito o microagulhamento no couro cabeludo?

O microagulhamento capilar pode ser feito de duas formas: com o roller ou com dispositivos em forma de caneta, em geral com uso de pomada anestésica, podendo ser necessária anestesia infiltrativa ou até bloqueios anestésicos em pacientes mais sensíveis.

Como funciona o tratamento de microagulhamento para a queda de cabelo?

O mecanismo de ação do microagulhamento causa pequenos traumas e, junto com o sangramento, levam à liberação de fatores de crescimento plaquetários, estimulando assim o crescimento dos fios.

Quais causas de queda de cabelo o tratamento é indicado?

A principal indicação deste procedimento é para o tratamento de alopecia androgenética masculina (calvície) e feminina (caracterizada pelo afinamento do folículo que pode ocorrer no topo da cabeça em pacientes geneticamente predispostas).

O tratamento dura para sempre ou precisamos repetir com frequência?

São recomendadas para obter resultados satisfatórios quatro sessões semanais e, com o tempo, tratamentos mensais para manutenção. Os efeitos são duradouros, desde que o procedimento seja combinado com loções e medicamentos orais.

Quais as contraindicações do microagulhamento?

O microagulhamento não é indicado em pacientes com a pele muito bronzeada, com acne ativa e com tendência a queloides. Casos como infecção por herpes labial, uso de medicamentos anticoagulantes, histórico de alergias a pomadas anestésicas, diabetes não controlada, doença autoimune, câncer de pele ou processo de quimioterapia, são também contraindicados para realização do tratamento.

CARBOXITERAPIA CAPILAR

Calvície


Carboxiterapia capilar é a técnica que utiliza aplicação injetável de gás carbônico medicinal em couro cabeludo, com intuito de aumentar a irrigação sanguínea na raiz dos fios e estimular os folículos capilares.

Para que serve a Carboxiterapia?

A Carboxiterapia capilar é indicada em casos de queda de cabelo, principalmente o eflúvio telógeno, quando os fios na fase final de sua vida caem em grande quantidade. Também é indicado para alguns tipos de calvície, como a alopécia androgenética, aquela causada por herança genética e famosa entre os homens.

Como é feita a Carboxiterapia capilar?

O gás carbônico é injetado na derme, segunda camada da pele, através de uma agulha de insulina (extremamente fina) conectada a um cateter que está ligado a um cilindro que contém o gás. São feitos alguns furos ao longo do couro cabeludo, depois da assepsia adequada. Como o couro cabeludo é uma região muito sensível, o tratamento pode ser feito com anestesia tópica, em forma de cremes.

Quantas sessões são necessárias na Carboxiterapia capilar?

A carboxiterapia capilar costuma ser feita em entre 10 e 20 sessões, com intervalos semanais ou quinzenais. Uma sessão pode durar entre 20 e 40 minutos. Em geral, pode ser necessário seguir com a manutenção, mas tudo dependerá do problema inicial do paciente, dos cuidados em casa recomendados e da resposta do couro cabeludo ao tratamento.

Que resultados esperar com a Carboxiterapia?

A resposta à Carboxiterapia capilar pode demorar a ter resultados visíveis. Entretanto, em média, após dois meses, pode se notar o crescimento de novos fios, mais grossos e fortes. Ocorre um aumento na quantidade de fios, uma maior densidade e volume, uma hidratação maior. A melhora da hidratação dos cabelos já pode ser percebida na segunda sessão.

Quais as contraindicações da Carboxiterapia capilar?

A Carboxiterapia capilar é contraindicada em casos de lesão cutânea na área a ser tratada, para pacientes em tratamento para câncer e HIV ou portadores de doenças cardíacas e pulmonares. O tratamento não é indicado para gestantes também.

MESOTERAPIA CAPILAR

Tratamentos

O que é a Mesoterapia Capilar?

A mesoterapia capilar é um tratamento específico com a função de retardar a queda
de cabelo e reestruturar a fibra capilar, este processo resulta na melhora da qualidade
dos fios e na resistência do cabelo. É uma técnica não invasiva baseada em micro
injeções superficiais, logo abaixo da epiderme, nos tecidos-alvo. Além disso a
Mesoterapia é um tratamento que estimula o mesoderma, capaz de aliviar uma
variedade de doenças ou sintomas.

Benefícios da mesoterapia capilar:

A mesoterapia capilar aumenta o fluxo sanguíneo, devido a micro lesões que liberam
fatores de crescimento de forma natural. A regeneração do colágeno e a estimulação
do folículo piloso acontecem junto com a formação de elastina, que ajudam a recuperar o cabelo e evitam o processo de queda. Antes do procedimento são utilizados contra irritantes no couro cabeludo a fim de trazer mais segurança e conforto ao paciente. 

Quais resultados podem ser obtidos com a mesoterapia Capilar?

As chances de resultado com a mesoterapia capilar são de 90 a 92%. O objetivo do
tratamento é principalmente evitar a queda de cabelo e a calvície, favorecendo a
regeneração de cabelos novos e mais fortes. Assim, sua aplicação melhora as
condições gerais dos cabelos e os resultados podem ser observados de 3 a 6 meses

Indicações da mesoterapia capilar:

Tratamentos

A mesoterapia capilar é um tratamento muito eficiente para pacientes que sofrem de
queda de cabelo ativa. Além da ação nos cabelos e fibras capilares, o procedimento
também é indicado para tratar rugas e linhas de expressão, flacidez, clareamento de
manchas, estrias, celulite, olheiras e rejuvenescimento facial

Quais os cuidados tomar ao realizar esses tratamentos?

Em geral não são necessários muitos cuidados no tratamento da calvície. No caso da Carboxiterapia capilar, apenas é indicado lavar os cabelos no dia do procedimento. Após a aplicação, é importante que o paciente mantenha boa higiene no couro cabeludo e siga as orientações de especialista.

Perguntas Frequentes

Quais profissionais podem realizar tratamentos para calvície?

Os tratamentos para calvície devem ser executado por médicos, normalmente dermatologistas e cirurgiões plásticos. Nas clínicas de estética, esteticistas capacitados podem realizar procedimentos como a Carboxiterapia, Microagulhamento e Mesoterapia Capilar, para trazer resultados satisfatórios em pessoas com problema de calvície. A Vitaclin conta com uma equipe preparada para tirar suas dúvidas sobre as técnicas disponíveis contra a queda de cabelo.

Vale a pena investir em tratamentos estéticos para calvície?

A calvície ainda não tem cura, mas tem controle, de acordo com os especialistas em dermatologia. O paciente que realiza procedimentos estéticos para a calvície tem que manter o tratamento indefinidamente, porque não tem um efeito definitivo. Mas com manutenção é possível tratar o problema e elevar a autoestima. É preciso sempre ter muito cuidado com ofertas enganosas sobre tratamentos milagrosos.

As mulheres podem ser calvas?

As mulheres também podem apresentar calvície. Apesar da porcentagem das mulheres com calvície ser menor do que os homens, elas têm predisposição para essa doença, mas se diferenciam em alguns motivos que a produzem. Os homens tendem mais a sofrer desse problema por fatores genéticos e hormonais, como o aumento da testosterona, e no caso da mulher, por questões emocionais e nutricionais. Além disso, há diferença no padrão de queda do cabelo.

Ansiedade ou depressão causa queda de cabelo?

Perguntas Frequentes

Para algumas pessoas a calvície pode ser algo traumático, principalmente para aquelas que vivem de sua imagem, causando transtornos de personalidade como ansiedade ou depressão. É algo contraditório, já que a preocupação por evitar a queda do cabelo faz que isso aconteça. Fazer atividades que ajudem a controlar o estresse é recomendado para controlar ou diminuir o processo da queda de cabelo.

Quem tem alopecia androgenética pode fazer mechas no cabelo?

De maneira geral, os fios de quem tem alopecia androgenética são mais finos, portanto, mais propensos a quebra. As mechas podem promover a quebra, mas não pioram a queda. Feitos por bons profissionais e ainda realizando um bom tratamento do fio posteriormente, não teria problema. Importante não realizar as duas químicas ao mesmo tempo.

Nos casos de alopecia androgenética feminina, após implante capilar, é necessário continuar usando minodil?

Como a condição é genética, há tendência a progressão do quadro. Por isso a importância da manutenção das medicações, inclusive do Minoxidil. Assim, procura-se conservar o cabelo remanescente, evitando, possivelmente, a necessidade de futuros novos implantes.

Qual a relação da andropausa com a calvície nos homens?

Na andropausa (distúrbio androgênico do envelhecimento masculino), ocorre uma diminuição dos níveis hormonais androgênicos (testosterona entre outros) e com isso pode haver a queda de pelos, cabelo e redução de massa muscular. É recomendado procurar um médico para avaliar exatamente qual o melhor tratamento.

Por que fazer na Vitaclin

A Vitaclin tem 23 anos de experiência e sabe exatamente quais são as principais dúvidas e preocupações dos seus clientes. Em relação aos tratamentos de calvície, o profissional vai fazer uma avaliação do paciente antes do procedimento, como classificar o tipo de queda de cabelo, como está evoluindo essa perda capilar e as doenças associadas, para oferecer resultados satisfatórios.

 







ATENDIMENTO ON-LINE LIGUE AGORALIGUE AGORA 41 3026.2626
AGENDE SUA AVALIAÇÃO GRÁTIS

Agende sua Avaliação Grátis e saiba mais sobre estes e outros tratamentos de Estética Avançada Vitaclin.



RECEBA NOSSAS NOVIDADES E OFERTAS


Receba nossas
novidades e ofertas




MAIS BUSCADOS

Limpeza de pele por hidrossucção
Toxina Botulínica
Peeling de Ácido Retinóico
Celulite
Acne
Depilação a Laser
Gordura na Axila
Carboxiterapia

MAIS ACESSADOS

Vita Lipo
Preenchimento com Ácido...
Estrias
Calvície tem Solução na...
Rugas
Luz Pulsada
Escleroterapia
Mesoterapia

PROCEDIMENTOS

Estética Facial
Estética Corporal
Spa/Massagem
Depilação a laser

INSTITUCIONAL

Sobre Nós
Fale Conosco

AVALIAÇÃO GRATUITA

41 3026.2626
41 98777.0003


Av Sete de Setembro, 5881 Batel, Curitiba - PR